Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sobre sombras

Escrevo sobre tudo e mais alguma coisa. Não me levem muito a sério.

Escrevo sobre tudo e mais alguma coisa. Não me levem muito a sério.

12
Jun24

A primeira vez é a que custa mais

Olá a todos e sejam bem-vindos ao meu blog. Para quem não me conhece, o meu nome é Miguel Marques, sou natural de Leça da Palmeira, a terra mais bonita de Portugal, e moro na ilha da Madeira com a minha namorada. Mudei-me de entregas da Amazon no próprio dia para apanhar fruta das árvores por não haver supermercados. A Madeira é um sítio onde toda a gente vive do campo e não há internet para o cidadão comum, uma espécie de Coreia do Norte democrática. Escrevo este texto de forma clandestina, espero não ser apanhado.

Sou engenheiro informático e escritor, tenho um eBook de poesia disponível na Kobo e Amazon, vários projetos de poesia publicados em revistas e antologias, um romance não publicado e outro em progresso. Sou um Guilherme Duarte do OLX que gosta do seu emprego. Se o meu diretor estiver a ler isto, juro que gosto do meu trabalho, juro pela minha morte Joca.

Tenho um cão e uma gata que são muito importantes para mim. Antes era daquelas pessoas que não ligava nenhuma a gatos e preferia cães, mas desde que adotámos a Maia que mudei totalmente a minha opinião. Poderá ter ajudado ela ser uma gatinha amigável que gosta de pessoas. Acho interessante a maneira como os gatos comunicam connosco, admiro a sua independência e as diversas formas que têm de nos dar carinho. Tirando quando acordo às seis da manhã com patadas ou quando estou a tentar trabalhar e a Maia aparece a saltar para cima do teclado, gosto muito da minha gatinha e não a trocaria por nada. Quanto ao meu cão, nada de extraordinário a apontar: come cocós de todas as maneiras e feitios, tem medo de passar em algumas divisões da casa, salta de rochas altas na praia e muros altos na rua, mas chora quando tem de saltar para o sofá que é significativamente mais baixo do que tudo o resto. É uma joia de moço.

Vou escrever sobre temas variados neste blog, não há uma categoria fixa nem frequência definida, é quando me apetecer. Lamento a pobre estratégia de marketing, mas já que imagino que os meus leitores serão grilos, julgo que estarão mais preocupados em encontrar alface do que esperar pela minha publicação das quartas-feiras às 19:29. Resolvi criar este blog porque gosto de escrever, fiquei um pouco cansado de criar só poemas e romances e precisava de algo que me ajudasse a relaxar. Estejam à vontade para sugerir temas que gostariam que eu abordasse ou simplesmente comentem a dizer coisas.

Beijocas e até à próxima publicação.

 

5 comentários

Comentar post

Perfil

foto do autor

Contactos

Favoritos

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D